Fique em dia com as contribuições!

Com o objetivo de facilitar a vida dos seus representados, o Secovi Rio dividiu a contribuição assistencial em duas parcelas e o vencimento da 2ª já é dia 14 de novembro. É o pagamento da contribuição que garante a continuidade desse trabalho tão importante para o mercado imobiliário e universo condominial.

Os condomínios e as empresas contribuintes têm uma série de benefícios exclusivos, como descontos em pesquisa de indicadores do Cepai e nos cursos da UniSecovi Rio, e acesso aos serviços oferecidos pela entidade, dentre eles, atendimentos jurídicos presenciais e por telefone, consultas jurídicas, sessões de mediação e revisões de convenção, regulamento interno e contratos.

Além disso, a presença do Sindicato da Habitação junto aos Poderes Legislativo e Judiciário garantem a defesa dos interesses do seguimento. Foi por meio desse trabalho que a tentativa de cobrança do ISS sobre a locação de bens móveis foi afastada e os condomínios não são mais obrigados a contratar jovem aprendiz, por exemplo.

A missão do Secovi Rio é contribuir para o crescimento e fortalecimento de seus representados e pretende continuar sendo referência na defesa desse universo. Por isso, fortaleça quem te representa e fique em dia com as contribuições. Clique aqui para emitir a guia da 2ª parcela.

Expediente Atlântida – Feriados Novembro

Prezado Cliente

Dia 15 de novembro, sexta-feira: Proclamação da República.

Não haverá expediente na Atlântida.

Dia 20 de novembro, quarta-feira: Dia da Consciência Negra.

Não haverá expediente na Atlântida.

Nos demais dias do mês, o expediente será normal.

Atlântida Administradora

Conta de luz em 2020 pode ter aumento de 2,42%

As contas de luz dos consumidores de todo o país poderão ter um aumento médio de 2,42% em 2020. O aumento consta de uma consulta pública aberta nesta quarta-feira (30) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) sobre o orçamento para a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), um dos subsídios pagos pelos consumidores de energia.

Em 2020, a Aneel aprovou um orçamento para a CDE de R$ 22,453 bilhões, um aumento de 11% em relação ao orçamento deste ano, de R$ 20,208 bilhões. Desse montando, a parte paga pelos consumidores teve um aumento de 27% e deve passar de R$ 16,238 bilhões para R$ 20,645 bilhões.

A CDE é formada por um conjunto de despesas que inclui subsídios ao consumidor de fonte de energia incentivada (eólica e solar); irrigação na agricultura; subsídios ao carvão mineral nacional; os subsídios para produção de energia termelétrica nos sistemas isolados, por meio da Conta de Consumo de Combustíveis (CCC); subsídios para a universalização do acesso à energia por meio do programa Luz para Todos; os descontos da tarifa social de baixa renda; entre outros.

Fonte: Abadi

 


Warning: html_entity_decode(): charset `ISO-8559-1' not supported, assuming utf-8 in /home/atlantid/public_html/blog/wp-includes/general-template.php on line 3237
1 2 3 259