Caixa reduz taxas do crédito imobiliário e do cheque especial após corte da Selic

Após o Banco Central cortar a taxa básica de juros, a Selic, em 0,5 ponto percentual, para 4,5% ao ano, a Caixa anunciou nesta quinta-feira (12) que reduzirá as taxas do crédito imobiliário e do cheque especial.

A taxa do crédito imobiliário cairá de 6,75% ao ano mais Taxa Referencial (TR) para 6,5% ao ano mais TR.

O juro do cheque especial para quem tem conta salário no banco sofrerá um corte de 4,99% ao mês para 4,95% ao mês. Para quem não tem conta salário, a taxa do cheque especial será reduzida de 8,99% ao mês para 8% ao mês.

A redução dos juros do crédito imobiliário valerá a partir da próxima segunda-feira (16), e a do cheque especial, a partir de 2 de janeiro.

A queda da Selic levou a Caixa a lançar novas modalidades de financiamento imobiliário, que permitem se proteger da taxa de juros para prazos mais longos. Em agosto, o banco lançou o financiamento corrigido pela inflação, medida pelo IPCA, e até março de 2020, vai começar a oferecer crédito imobiliário com taxas prefixadas.

Ontem (11), o Banco do Brasil também anunciou uma redução nas taxas de juros para diversas linhas de crédito. As novas condições entram em vigor a partir da próxima segunda (16).

Fonte: Valor Investe

 

 

 

 

Deixe seu comentário:

Seu comentário*

Seu nome: *
Seu site: